Pedagogias

14 de junho de 2016

No Arasempre, a gente ensina e aprende num eterno vai-e-vem. Conheça, aqui, algumas das pedagogias que a gente desenvolveu e aplica nas nossas frentes de trabalho. Você vai ver que a simplicidade e a empatia são a chave do sucesso da nossa causa.

 

Pedagogia do Abraço
A Pedagogia do Abraço promove o “aprender a ser” por meio do acolhimento e da promoção da autoestima. Os educadores brincam com as crianças e jovens, “trocando” abraços por sinais de cuidado consigo mesmo e com os amigos. Esse escambo promove um ambiente acolhedor, desperta a afetividade e fortalece a individuação das crianças, inclusive no processo de transição entre a casa e o ambiente escolar.
Pedagogia da Roda
A Pedagogia da Roda promove o “aprender a conviver” mediante a prática diária do diálogo. A Roda é a base educacional e organizacional de todos os projetos integrados na Plataforma Arasempre: na roda, os participantes debatem aprendizagens e rumos dos projetos, pensam soluções para problemas e conflitos, avaliam o andamento do trabalho, inovam. O diferencial da metodologia é a abordagem horizontal ou circular: numa roda, não há centro, não há hierarquia, todos têm voz e vez para se expressar.
Pedagogia do Brinquedo
A Pedagogia do Brinquedo é a base do “aprender a aprender”. O desenvolvimento de jogos educativos aplicados às mais variadas situações – desde desafios escolares até de convivência – promove o raciocínio lógico, o uso da linguagem, a compreensão e a criação de regras e a capacidade de sistematização.
Crianças, jovens, educadores, todo mundo se envolve no processo de desenvolvimento e avaliação dos jogos.
Pedagogia do Sabão
A Pedagogia do Sabão, ou o “aprender a fazer”, se fundamenta na valorização dos saberes tradicionais, nas receitas da roça, nos costumes antigos que se baseavam na economia de recursos e no aproveitamento dos resíduos e das matérias-primas que a natureza oferece pra gente. Assim como o sabão, que é simples de fazer e todo mundo pode aprender, o reaproveitamento de resíduos tem utilidade indiscutível nos dias de hoje e está na vanguarda do pensamento sustentável.
Pedagogia do Copo Cheio
A Pedagogia do Copo Cheio é o modo de olhar o lugar não por suas carências, ou pelo lado vazio do copo. Quando muitos olham o IDH (Índice de Desenvolvimento Humano, proposto pela ONU), no Copo Cheio a gente identifica o IPDH (Índice do Potencial de Desenvolvimento Humano) para construir um novo paradigma. Nessa nova estratégia, identificamos e investimos nos potenciais de “AÇÃO” – Acolhimento, Convivência, Apropriação e Oportunidade, ou seja, nos “pontos luminosos”  que são a base dos projetos educacionais e comunitários implantados aqui e a essência da Plataforma Arasempre.